Targo
Targo

A Targo Consultoria foi fundada em maio de 1999, pelo administrador Carlos Eduardo Oshiro, para atender, inicialmente, o setor de marketing da cervejaria Ambev, o qual havia trabalhado por anos.

Siga-nos
Contato: (92) 3584-4659
Endereço: Rua Pará, 600 (altos) – Vieiralves - Manaus/AM
E-mail: targo@targo.com.br
Siga-nos:
Top
Como manter o equilíbrio emocional na quarentena? – Targo
7167
post-template-default,single,single-post,postid-7167,single-format-standard,mkd-core-1.0,highrise-ver-1.1.1,,mkd-smooth-page-transitions,mkd-ajax,mkd-grid-1300,mkd-blog-installed,mkd-header-standard,mkd-sticky-header-on-scroll-up,mkd-default-mobile-header,mkd-sticky-up-mobile-header,mkd-dropdown-slide-from-bottom,mkd-dark-header,mkd-full-width-wide-menu,mkd-header-standard-in-grid-shadow-disable,mkd-search-dropdown,mkd-side-menu-slide-from-right,wpb-js-composer js-comp-ver-5.2.1,vc_responsive

Blog

Como manter o equilíbrio emocional na quarentena?

As crises econômicas sempre fizeram parte da história, afetando países em todo o mundo, dos mais ricos aos mais pobres. Em um contexto como o da pandemia do coronavírus, não seria diferente. Então, como manter o equilíbrio emocional nesse período?

Sabemos que a saúde mental de empreendedores e colaboradores merece atenção redobrada durante uma crise, visto que precisam lidar com o sentimento geral de incerteza sobre o futuro da empresa. 

Confira neste artigo como lidar de forma positiva com esse problema!

Como uma crise afeta o equilíbrio emocional nas empresas

O dia a dia de uma empresa é cheio de desafios que normalmente são superados sem maiores problemas. Mas nada se compara à dimensão que uma crise traz.

A velocidade com que tudo acontece em uma crise não dá tempo para um planejamento preventivo, tanto em termos financeiros quanto operacionais. 

O desafio em uma pandemia, por exemplo, é manter a empresa fechada e isolar os funcionários. Mesmo sendo por um propósito maior, essas atitudes acabam impactando a saúde financeira da empresa. Ainda mais se ela pertence aos serviços chamados não essenciais.

O empreendedor se vê em uma situação complicada para ter uma visão positiva, mesmo que de longo prazo, em nome da manutenção dos empregos, renda e movimento do mercado. É uma grande responsabilidade em um momento tão crítico.  

Frente a tudo isso, despesas se acumulando, receitas despencando, entre outros problemas paralelos, tudo acaba impactando o equilíbrio emocional do empreendedor. Assim como a sua capacidade de planejamento e projeção para o futuro.

Lidando com as dificuldades emocionais

Não são raros os relatos de problemas emocionais relacionados à crise. Os mais frequentes são: ansiedade, depressão, medo, angústia, crises de pânico, entre outros. 

Diante disso, como agir para criar uma expectativa boa de recuperação? É o que você vai descobrir a partir de agora. 

Confira também:

– Comunicação interna e externa: como usá-las a favor da sua empresa?

– Inteligência emocional no trabalho: por que desenvolvê-la?

1. Fuja das informações negativas

É claro que um bom gestor precisa estar sempre atento às mudanças e novidades do mercado, mesmo em tempos de crise. Mas receber diariamente um turbilhão de informações negativas pode inundar a mente e até mesmo levar ao pânico. 

O excesso de notificações, notícias e dados alarmantes sobre a crise costuma desanimar o empreendedor. Por isso, uma das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), publicada no guia de saúde mental, é justamente manter uma distância segura da mídia e evitar notícias que geram estresse e ansiedade. 

Uma boa dica para não fugir totalmente da realidade é determinar um horário específico do dia para checar as notícias e limitar-se às informações mais importantes. 

De preferência aquelas que mostram sinais de recuperação e exemplos de empreendedores que souberam se reinventar para continuar ativos durante a pandemia. 

2. Acesse apenas fontes confiáveis

A internet é considerada “terra de ninguém” e por isso são muitas as publicações amadoras sobre qualquer assunto. O risco de acessar informações falsas pode potencializar as crises emocionais causada pela crise. Por isso, prefira sempre fontes confiáveis. 

Essa é inclusive uma recomendação da OMS. Isso porque a desinformação e a promoção de fake news têm piorado ainda mais o cenário de insegurança. O próprio Google, preocupado com isso, disponibilizou uma seção na página de busca onde as notícias de fontes confiáveis são destacadas. 

3. Busque uma rede de apoio

Em todos os lugares, grandes empresários se reúnem para discutir estratégias e ajudar uns aos outros. Não tão diferente deles, os pequenos empreendedores também estão se unindo para superar a crise. 

Campanhas nos meios digitais, como a “compre dos pequenos” ou “chame o vizinho”, estimulam o apoio ao comércio e aos serviços nos bairros das cidades. 

Tanto para empresas maiores quanto para as menores, as redes de apoio incentivam a continuar as atividades nos negócios, aliviando o estresse e o sentimento de solidão. 

4. Mantenha a sua rotina

Ok, a empresa pode estar impedida de abrir e funcionar normalmente. Mas, para manter o equilíbrio emocional, é fundamental não alterar radicalmente a rotina. Você pode usar o tempo que passaria na sede da empresa em busca de alternativas para o seu negócio. 

Não troque o dia pela noite, não coma fora de hora, não durma pouco nem além da conta. Tenha em mente que ficar acomodado, esperando as coisas voltarem ao normal, pode prejudicar o seu retorno às atividades. Mas tudo com equilíbrio, sem pressão. 

5. Aproveite o período para se aprimorar

Invista nos seus conhecimentos e aprimore as suas habilidades. Pense que a crise vai cessar e você precisa estar preparado para retornar mais forte e estratégico do que nunca. 

Afinal, a recuperação total da empresa pode demorar, mas será mais fácil com uma gestão capacitada e munido de autocontrole. 

Aproveite a quarentena para buscar capacitação por meio de estudos e workshops. Se a pandemia está fazendo você perder a resiliência, um workshop de inteligência emocional é uma excelente alternativa. Busque empresas de consultoria especializadas em ajudar outras empresas a gerir melhor seus negócios. 

Gostou deste artigo? Esperamos ter ajudado. Agora que você já sabe como manter o equilíbrio emocional neste período de quarentena, não deixe de conhecer nosso Workshop de Inteligência Emocional!