You are currently viewing Soft skill: por que elas são valorizadas na gestão de pessoas?

Soft skill: por que elas são valorizadas na gestão de pessoas?

As soft skills são parte muito importante dentro das características  de uma pessoa. Isso porque elas acabam sendo responsáveis por melhorar as relações no ambiente de trabalho.

Por essa razão, as empresas hoje em dia estão preferindo contratar colaboradores que possuam habilidades que vão além de suas técnicas e conhecimentos.

Por conta de se tratar de uma habilidade que tem mais a ver com o comportamento do indivíduo e está mais ligada à personalidade e as experiências que ele possui do que sua formação profissional, saber desenvolver isso tem sido um grande diferencial.

Se você tem dúvidas sobre o tema e quer entender melhor sobre o assunto, então continue lendo este artigo.

O que são soft skills?

As soft skills são as habilidades que possuem relação com o comportamento do colaborador. Sendo assim, se trata de sua capacidade de gerar um relacionamento positivo com seus colegas de trabalho e com o ambiente inserido.

Podemos apontar como soft skill a inteligência emocional e o relacionamento interpessoal, por exemplo. Em diversos processos seletivos, os candidatos poderão cumprir vários requisitos, como:

  • Formação acadêmica;
  • Fluência em idiomas;
  • Especialização;
  • Cursos técnicos;
  • Etc;

No entanto, acabam deixando a desejar quando o assunto é soft skill, que é o que trará o diferencial frente a outro concorrente. Todo mundo possui algum tipo de soft skill.

Porém, com um pouco mais de autoconhecimento, acaba sendo possível aprimorar essas qualidades que já se manifestam de modo natural e até mesmo desenvolver outras.

Sim, é possível desenvolver soft skills ao longo do tempo. Mas, é fundamental que a pessoa tenha uma boa percepção de si para que consiga dizer qual o seu papel dentro de uma organização.

Como descrever soft skills?

Como dissemos, as soft skills são as habilidades e competências que estão ligadas ao seu lado pessoal. Podemos ilustrar por exemplo, algumas dessas características, que são:

  • Empatia;
  • Inteligência emocional;
  • Ética;
  • Liderança;
  • Resolução de conflitos;
  • Flexibilidade;
  • Gestão de equipes;

É plenamente possível desenvolver uma soft skill principalmente que agregue valor ao local de trabalho e que possa melhorar seu desempenho na empresa.

Por que soft skills são importantes?

Existem diversas razões pelas quais as soft skills são importantes. A principal tem ligação a maneira de como o indivíduo irá se comportar dentro da empresa enquanto trabalha e como será sua relação com outros indivíduos.

Isso porque a soft skills entrega  valor ao profissional, e dependendo da área que esteja interessado em atuar, as soft skills podem ser mais relevantes do que o seu conhecimento técnico.

Por exemplo, profissionais que sabem lidar com pressão costumam saber gerenciar melhor o seu tempo e ter mais empatia com os colaboradores. O seu dia a dia ocorre de forma mais natural, ainda que seu trabalho exija muita atenção e cobrança.

As soft skills além disso acabam fazendo com que o profissional se torne mais proativo em seu local de trabalho, ressaltando pontos como um melhor foco, mais assertividade e mais motivação.

Por essa razão as empresas tendem a procurar profissionais que saibam não só agregar ao ambiente com suas experiências profissionais, como também entregarem qualidade no serviço por meio de suas habilidades interpessoais.

Afinal, muitas empresas possuem problemas com profissionais instáveis que por mais que tenham muito conhecimento em sua área de atuação, acabam deixando a desejar em seu comportamento.

O que são hard e soft skills?

Você conhece a diferença de hard e soft skills? Veja aqui nesse blog e saiba mais

Como já foi bem dito, as soft skills são as competências que competem à personalidade e ao comportamento do profissional. Envolvem então as aptidões mentais, emocionais e sociais.

Pode-se dizer que essas, são habilidades que nascem de forma particular, pois acabam sendo geradas através de experiências que envolvem cultura, criação, educação, entre diversos outros fatores.

Já as hard skils são as competências técnicas que são acrescentadas no currículo. Estas habilidades podem ser aprendidas por meio de capacitação. Por exemplo, o uso de ferramentas e conhecimentos profissionais.

Tudo isso pode ser aprendido por meio de treinamento corporativo para que se possa melhorar a qualificação profissional de cada pessoa.

Quais as soft skills mais valorizadas?

Existem diversas características que fazem com que uma empresa possa contratar uma pessoa. Dentre as principais, podemos destacar então as seguintes:

  • Comunicação;
  • Liderança;
  • Flexibilidade e resiliência;
  • Trabalho em equipe;
  • Criatividade;
  • Proatividade;
  • Empatia;
  • Ética no trabalho;
  • Pensamento crítico;
  • Atitude positiva;
  • Habilidade de liderança;
  • Desenvolvimento em equipe;
  • Influência;
  • Motivação;
  • Gerenciamento de conflitos;
  • Capacidade de tomar decisões;

Como descrever soft skill no currículo?

A melhor forma de transmitir suas soft skills no currículo, é poder dar exemplos de coisas que aconteceram e que foram capazes de transmitir esses pontos.

Portanto, jamais coloque uma lista de soft skills descrevendo aquilo que você considera ter. Ao invés disso, coloque frases diretas que demonstrem aquela habilidade. Por exemplo:

“Comunicação direta com alunos para vencer o desafio da inovação em municípios multiculturais.” Nesta frase, conseguimos identificar então:

  • Comunicação;
  • Iniciativa;
  • Atitude positiva;
  • Gerenciamento de conflitos;

Através de descrições como essas, você consegue passar adiante a característica que você mais deseja que o recrutador perceba, sem ter que listar isso de forma direta.

Se você não tem as soft skills que acha que são importantes para poder agregar no cargo de interesse, então você pode desenvolvê-las. Mas como fazer isso?

  • Você pode buscar consultoria com profissionais especializados, que irão te direcionar da melhor maneira para que você desenvolva tal habilidade;
  • Você pode buscar conhecimento sozinho;
  • Fazer pequenas imersões dentro daquilo que você considera desafiador;
  • Participar de treinamentos dentro da empresa;
  • Pedir feedback;
  • Dentre outras coisas;

 

Conclusão

Por fim, vimos então o que são as soft skills, qual a importância que ela possui dentro de uma empresa e como fazer para desenvolvê-la melhor. É muito interessante que o indivíduo como profissional busque sempre melhorar essas questões.

Principalmente porque a falta de soft skills são as maiores responsáveis pelas não contratações de profissionais. Afinal, é muito mais fácil você ensinar uma competência para alguém do que fazer ela mudar uma característica nata dela.

Uma pessoa muito ansiosa provavelmente não mudará essa característica, porém ela pode aprender a gerir melhor seu tempo, a se organizar e ter uma melhor gestão de si e das pessoas em sua volta para tornar seu ambiente de trabalho mais eficiente e natural.

Nos conte aqui se você conseguiu entender tudo sobre este assunto e compartilhe este conteúdo com mais pessoas.

Este post tem um comentário

Deixe um comentário